Data

A paz do Senhor Jesus Cristo. Hoje é

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

A obra de Deus e a obra do homem

"Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa obra, e crescendo no conhecimento de Deus;"Colossenses 1 v.10

Vou começar com minha opinião: "A obra é de Deus, a obra não é do homem!", lembro de ter lido um dia, sinceramente não lembro quem foi o autor da frase, mas era mais ou menos assim: "temos o privilégio, dado por Deus, de sermos instrumentos de Deus para levar a palavra ao conhecimento dos homens, mesmo sendo homens nós fazemos a obra de Deus, que maravilhoso privilégio somos instrumentos de Deus!"
Tenho visto é muito homem fazendo a obra de homem e dizendo ser a obra de Deus.
Ressalto que o grande problema, se é que podemos dar dimensões, é a tentativa do homem de agradar aos homens e não a Deus (Galátas 1 v.10) em direção contrária aos preceitos bíblicos, à orientação divina: " "Não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus" (Efésios 6 v.6). Vou citar alguns exemplos e você observe por onde passar e os identifique. Cultos na praia à noite, os chamados de "Lual Gospel" (Ao contrário do que a maioria das pessoas possa imaginar essa palavra que designa uma reunião praiana onde as pessoas se reúnem à noite para se divertirem entre cantos e danças, não tem nenhuma relação com a "lua" ou o "luar"), "baladas gospel" , "Festa Jesuína", retiros de carnaval sem uma programação de reuniões e cultos. Isso sem falar nas "vistas grossas" de muitos líderes em relação às condutas inadequadas e inapropriadas que seus liderados praticam manchando o nome da igreja do Senhor e que se saem sempre com a expressão: "Não tem nada a ver, isso é normal".
Não sou defensor do legalismo, mas concordo que devemos buscar a santificação, sem a qual ninguém verá a Deus (I Tessalonicenses 4 v.7) Deus nos chamou para a santificação e não para a imundície. Deus não enviou seu filho amado para que levássemos uma vida que nos agradasse,  que nos fizesse mais felizes aos nossos olhos. 
Encontramos hoje, infelizmente em muitos lugares, homens cheios de si e vazios do Espírito Santo que tentam a seu modo convencer homens e mulheres a aceitarem o Senhor Jesus Cristo deles e pasmem tem criado uma legião de "convencidos", de "persuadidos" a os seguirem, não a seguirem Jesus. Criam uma multidão de seguidores deles e não de seguidores de Cristo. Não preciso lembrar que quem convence o homem do pecado é o Espírito Santo, quem quebranta corações é o Espírito Santo de Deus e só.
Para fortalecerem a suas obras os homens criam atividades e mais atividades em "suas igrejas" a fim de que o povo possa estar ao seu redor. Chegam a ser dias seguidos durante a semana e muitos encontros durante os finais de semana várias vezes ao dia. Para adorar a Deus? Para exaltar o nome do Senhor? Para se alimentar da palavra de Deus? Não, não e não apenas para que o homem possa contemplar o "seu" rebanho e ver que sua obra esta crescendo. Por isso a taxa de desviados só vem aumentando a cada dia e muitos usam a desculpa de que "nos últimos tempos por causa da iniquidade o amor de muitos esfriaria" e que isso é normal de acontecer. Analisando friamente posso afirmar que isso ocorre pois os tais "homens" não se preocupam em alicerçar a fé dos novos convertidos e na primeira tribulação eles se desviam, mas sabe porque eles não se preocupam em alicerçar a fé deles? Pois sabem que o povo sofre porque falta conhecimento e que quando o povo passar a entender vai abandonar a obra do homem e fazer a obra de Deus verdadeiramente. Que o amor de Deus que excede todo o nosso entendimento seja derramado sobre a suas vida e de sua família em nome de Jesus Cristo. Amém!